Preciso de um cartão de crédito?

Finalidade do cartão de crédito

Em atividade no Brasil desde o final dos anos 60, o cartão de crédito era restrito apenas à classe elitizada da sociedade. Damos um salto na história e, hoje, o chamado dinheiro de plástico está incorporado à realidade de grande parte dos brasileiros.

O cartão de crédito funciona como uma ferramenta de pagamento eletrônico de bens e serviços, sem a necessidade do desembolso da quantia no ato da compra.

Basicamente, funciona da seguinte forma: mediante uma análise prévia, o banco empresta ao titular do cartão uma quantia de dinheiro (crédito) que se renova mês a mês mediante o pagamento da fatura, que pode ser feita à vista ou em parcelas.

Vantagens e desvantagens do cartão de crédito

Antes de apresentarmos algumas das principais vantagens e desvantagens da utilização do cartão de crédito, é importante que o consumidor tenha em mente que estas serão consequência da utilização moderada do recurso.

Vantagens:

  • Te ajuda em imprevistos que geram gastos inesperados
  • Poder de compra: possibilita compras de bens ou serviços para pagamento futuro
  • Programas de benefícios como pontos, milhas e cashback
  • Compras online: a compra é aprovada e liberada instantaneamente
  • Controle de gastos por meio de aplicativos que permitem acompanhar o andamento da fatura

Desvantagens:

  • Ter este recurso à mão pode ter como consequência as compras por impulso
  • Em caso de atraso no pagamento da fatura ou o pagamento parcial desta, os juros serão altíssimos
  • Risco de criminosos clonarem o cartão através de compras pela internet em sites não seguros
  • Não há desconto como em compras à vista

Segurança do cartão de crédito

A leitura dos dados do cartão de crédito para compras feitas em estabelecimentos comerciais, saques ou consultas à caixas eletrônicos, é feita através de um terminal (máquina de cartão, por exemplo) e ocorre de duas formas: por tarja magnética localizada na parte posterior do cartão ou por chip.

A leitura da tarja magnética é mais vulnerável a fraudes, tendo em vista que as informações são mais facilmente decodificadas.

Já a leitura por chip é mais segura, devido à criptografia dos dados, ou seja, torna-se quase impossível a tradução das informações por criminosos.

Para compras feitas em sites ou aplicativos da internet, a transação depende da disponibilização do código de segurança posicionado atrás do cartão, o CVV (Card Verification Value), em tradução literal, Valor de Verificação do Cartão.

O CVV substitui a senha do cartão em compras pela internet. Por isso, antes de fornecer este dado de segurança para finalizar sua compra, atente-se sempre à segurança do site.

Em caso de cartão clonado, furtado ou roubado, apenas a utilização do código não trará sucesso ao fraudador, mas se o criminoso estiver com o número de seu CPF em mãos, conseguirá junto do CVV efetuar a compra. Por isso, mantenha sempre o cartão guardado com segurança e nunca o perca de vista.

Meu cartão de crédito foi clonado, e agora?

Ao receber a fatura e verificar que existem cobranças de compras que você desconhece, acione imediatamente a operadora do cartão e solicite o bloqueio ou cancelamento e a emissão de uma nova fatura.

Faça um boletim de ocorrência para ter como prova caso chegue algum protesto em seu nome. Além disso, é importante fazer a comunicação do fato ao Serasa. A empresa disponibiliza em seu site um formulário específico para este tipo de ocorrência, dessa forma, seu nome não será incluído no sistema de proteção ao crédito.

Anote sempre todos os protocolos de atendimento junto a operada pois, se houver alguma falha no atendimento ou na resolução do problema, você poderá acionar o Banco Central (BACEN).

Tarifas do cartão de crédito

Em 2011 o Banco Central estabeleceu a redução das tarifas do cartão de crédito para cinco. Antes eram aproximadamente 80 tarifas cobradas pelos bancos.

Além disso, todos os bancos devem oferecer a opção de cartão de crédito básico para utilização nacional e internacional, com anuidade menor comparado aos demais.

As cinco tarifas vigentes que os bancos têm direito de cobrar são:

Anuidade: voltada para a administração dos custos do cartão e o pagamento pode ser feito à vista ou diluído em parcelas mensais.

Saque: o saque no cartão de crédito é considerado uma modalidade de empréstimo, portanto, a cobrança da tarifa deste serviço só é cobrada no mês seguinte à utilização deste serviço. Além disso, é acrescida de juros e IOF (Imposto por Operação Financeira). Abaixo falaremos um pouco mais sobre o empréstimo com o cartão de crédito

Pagamento de contas: devido a este tipo de operação envolver mais instâncias para ser concluída, o pagamento de contas de luz, gás, água e telefone acarretará cobrança de tarifas.

Emissão de segunda via: essa tarifa refere-se à emissão de segunda via de cartão em caso de perda ou roubo. Caso o extravio do cartão seja por responsabilidade do banco, a tarifa não será cobrada do cliente.

Limite emergencial de crédito: é possível que o titular solicite ao banco uma avaliação para aumentar crédito. Para isso, será também cobrada tarifa.

Pesquise as tarifas em diferentes bancos e encontre as mais vantajosas para o seu bolso.

Empréstimo no cartão de crédito

O empréstimo no cartão de crédito é uma das categorias de empréstimo oferecida por bancos e instituições financeiras e voltado para quem deseja liberar o recurso de forma rápida.

Geralmente, ele é oferecido pelos bancos para os clientes que já possuem um cartão de crédito e o valor contratado pode ser deduzido no limite de crédito disponibilizado no cartão.

Para solicitar o empréstimo, verifique diretamente com o seu banco, por meio do site, app, caixas eletrônicos ou com a operadora do cartão se este serviço está disponível.

Feita a solicitação, será realizada uma análise de renda, perfil de consumo e se os pagamentos são feitos em dia. Mediante aprovação, o recurso estará disponível em menos de 48 horas em sua conta.

Porém, tenha sempre em mente que é preciso ter cautela antes de solicitar esse tipo de empréstimo, pois os juros são mais altos em comparação à outras modalidades de empréstimo.

Cartão de crédito para quem tem nome sujo

Uma pessoa negativada, popularmente chamada de “nome sujo”, encontra inúmeras dificuldades em ter acesso ao cartão de crédito.

Diante disso, uma das soluções pode ser o cartão pré-pago, que não passa por uma análise de crédito e de renda. A utilização do cartão pré-pago é limitada ao valor que foi carregado nele .

Porém, assim como os demais, não estão livres de tarifas como de adesão, recarga, saque e mensalidade.

Para solicitar um cartão pré-pago, basta fazer o requerimento junto ao banco e ele chegará no endereço informado. Ele é aceito e diversos estabelecimentos e em compras online.

Cartão de crédito baixo score

Mesmo que você não tenha restrições em seu CPF, o seu score baixo pode impedir que o banco libere um cartão de crédito para você.

Através desse sistema de qualificação de sua reputação financeira, utilizada no momento da análise de crédito pelo banco, é possível prever se você conseguirá arcar com as parcelas de um empréstimo ou não.

O score é determinado de 0 a 1000, portanto, quanto mais próximo de 1000, melhor qualificado você estará para contratar um empréstimo.

Existem bancos, a maioria online, que concedem cartões de crédito para clientes neste perfil. Faça uma pesquisa.

Você é empregada doméstica e não consegue cartão de crédito? A Simplypag tem a solução!

Algumas pessoas não conseguem liberação de cartão de crédito devido a não comprovação de renda ou por não possuírem conta em banco. A categoria das empregadas domésticas é um exemplo, tendo em vista que em sua maioria ainda trabalham informalmente e não conseguem comprovar renda.

Quando conseguem comprová-la, ainda assim, arcar com os custos das taxas e tarifas que estão embutidas nas parcelas de um empréstimo como este, é muito mais sacrificante para uma classe que já é tão mal remunerada.

Diante deste cenário, a Simplypag oferece solução de crédito para empregadas domésticas de todo o Brasil.

Além de incentivar a formalização do trabalho desta categoria, a empresa quer ajudar estes trabalhadores a terem acesso a um recurso para que possam conquistar seus bens, quitar dívidas e investir na família.

Deixe um comentário